quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Novidade da Semana - Barbershop

Título: Barbershop
Autor: Júlio Conrado
Editora: Editorial Presença
Nº de Páginas: 240
Preço Editor: 14,90€

Sinopse: Lisboa, Cascais e a ilha da Armona, em Olhão, delimitam o espaço geográfico em que decorre esta narrativa labiríntica protagonizada por uma pitoresca galeria de poetas, livreiros, críticos literários, barbeiros e viúvas, no tempo da nossa contemporaneidade. Num estilo sugestivo, deliciosamente irónico, o autor faz-nos participar, com gosto, nos quotidianos entrecruzados de F. F., o poeta taciturno eterno candidato ao Nobel da literatura; Diamantino Neto, o típico barbeiro de bairro que sonha com os louros da glória ou Rogélio Bordalo, um arrivista caçador de viúvas ricas, entre outras figuras. Gente conformada? Sim, mas não completamente. Dias pouco épicos, talvez felizes, os destas personagens, mas o amor, a avidez e a vingança entram também em cena, e o crime imperfeito acaba por deixar um rasto de tragédia no quintal sossegado.

Este livro tem todos os elementos para ser do género pelo qual me sinto cativado. Não parece ter um enredo fixo ou épico - o que gosto. Por vezes é bom deixarmo-nos apenas levar pelo quotidiano, fazendo intervalos em enredos complexos e emocionantes. Barbershop parece-me um livro calmo, representador do dia-a-dia sempre normal... e o que imagino ao ler a sinopse e a a olhar para a capa é que vou adorar esta obra.

Não conhecia o autor nem de nome. Mas desde logo a capa me intrigou (a editora está de parabéns por esta capa, que adoro). E sinto vontade de entrar ali e conhecer as personagens, sentar-me no fundo da barbearia e ouvir as conversas. É tão bom quando os livros fazem sonhar ainda antes de sequer os abrirmos.

A ler, sem dúvida. Saiu para as livrarias a semana passada, e daqui a uns tempos vai sair para a minha estante.

Tiago

3 comentários:

Paula disse...

Já li Barbershop Tiago (já coloquei a opinião no blogue) e é como tu disseste :)
Acho que também vais gostar.

Sássára disse...

Já sabes que depois é para emprestares :P

p a t r í c i a * disse...

Uau, parece-me que também quero ler esse livro! E a olhar para a capa também me pareceu interessante, como a ti. Julgo que irei ler o Barbershop :D

Blog Widget by LinkWithin