quarta-feira, 23 de março de 2011

O Mar de Ferro - Crítica

Título: O Mar de Ferro
Autor: George R. R. Martin
Tradutor: Jorge Candeias
Editora: Saída de Emergência
Páginas: 320
Sinopse: [CONTÉM SPOILERS] Quando Euron Greyjoy consegue ser escolhido como rei das Ilhas de Ferro não são só as ilhas que tremem. O Olho de Corvo tem o objectivo declarado de conquistar Westeros. E o seu povo parece acreditar nele. Mas será ele capaz? Em Porto Real, Cersei enreda-se cada vez mais nas teias da corte. Desprovida do apoio da família, e rodeada por um conselho que ela própria considera incapaz, é ainda confrontada com a presença ameaçadora de uma nova corrente militante da Fé. Como se desenvencilhará de um tal enredo? A guerra está prestes a terminar mas as terras fluviais continuam assoladas por bandos de salteadores. Apesar da morte do Jovem Lobo, Correrrio ainda resiste ao poderio dos Lannister, e Jaime parte para conquistar o baluarte dos Tully. O mesmo Jaime que jurara solenemente a Catelyn Stark não voltar a pegar em armas contra os Tully ou os Stark. Mas todos sabem que o Regicida é um homem sem honra. Ou não será bem assim?

Um pouco desapontada com a primeira parte deste volume, peguei n'O Mar de Ferro sem expectativas demasiado altas. Os primeiros capítulos, apesar de suaves, começaram imediatamente a agradar-me. E isto foi continuando, até ao fim do livro. Prova do quão adorei este livro foi a velocidade com que o li. Com capítulos enormes, antes de me deitar não conseguia fechar o livro enquanto não acabava um. E, finalmente, aqueles suspiros de admiração voltaram! Cheguei mesmo a ficar de boca aberta perante alguns capítulos.

Sabem a tal personagem de que eu falei? Acho que está a recuperar. Pelos vistos não está assim tão bonzinho como eu julgava. Fiquei bastante surpresa com a sua atitude perante o encarceramento da irmã gémea. E tenho que adiantar que preferia que tivesse sido a Pequena Rainha a ficar com as culpas todas e a ser julgada. Gostava mais da outra Rainha, apesar de malévola e bastante fria. Acho que, no fundo, ela apenas quer ser uma boa mãe.

Os Homens de Ferro apanharam-me de surpresa. Quando a guerra parece estar quase no fim, chegam eles para dar uma reviravolta ao Sul. Há que acrescentar que este livro é todo passado no Sul. Ao que parece, Martin estava a escrever um livro que estava a ficar demasiado grande. Por isso, pegou em algumas personagens e decidiu que este volume seria só acerca delas. Parece que, no próximo volume, que espero tão ansiosamente, vou poder matar saudades das outras!

Envolvida por toda esta história, chego a considerar a saga das Crónicas de Gelo e Fogo a minha favorita. Que venham mais livros!

Personagens favoritas:
Jaime, Cersei, Coração de Pedra.

Nota:
10/10 - Perfeito

Sara

1 comentário:

Bonnie disse...

Nota 10? :O Ainda não o li, porque ainda estou a acabar de ler o "Festim dos Corvos"... Mas não esperei que fosse assim tão bom pela sinopse que está na contra-capa.

Mas vou esperar para ler! ^^
Boas leituras! :p

Blog Widget by LinkWithin